Livros em séries e trilogias

Olá amigos!

Hoje eu entrei numa conversa interessante num grupo de literatura na rede social.E qual o assunto? 

Claro,foi isso mesmo-  série literárias.

 Quase todo autor hoje,principalmente os autores de fantasia e ficção,estão ansiosos por publicar dois,três  até cinco volumes contando suas histórias.

Que tal falarmos um pouco sobre as vantagens e desvantagens das séries de literatura?

Lembro que quando eu era apenas uma Estudante do Ensino Fundamental de Segundo segmento( antigo primeiro grau),o professor de português costumava aplicar redações com começo e final definido-geralmente constituido de um parágrafo para cada um- para formularmos um titulo condizente com o tema escolhido, e ainda desenvolvermos o meio entre o começo e o fim do texto- o recheio do "bolo",digamos assim.

Pior que isso? Ah! Tinha sim!

Era quando o começo estava bem definido mas  o final... Era tão somente uma frase inócua que não fechava texto algum,de tão irrelevante essa  frase inútil  pareceria para nós,meros aspirantes a escritores.

Gostava mesmo era de redações com os chamados Tema Livre;Ou ainda,que o o tema  fosse definido-mas que eu pudesse dissertar...

Eu me empolgava,escrevia...escrevia...escrevia sem parar.

No momento de passar a redação a limpo para a folha de provas,porém,a empolgação inicial acabava e surgia o caos!

A minha redação ultrapassara,e muito,as trinta linhas exigidas.

Eu era obrigada a cortar trechos inteiros e podar minha tão "brilhante e exuberante criatividade"!!! E agora?

Cortem-lhe a cabeça:editando o texto

Eu ficava com tanta raiva que jurava que seria a única vez...jamais seria obrigada a cortar,de novo,meus textos...jamais!

Por muitas vezes eu era obrigada a reconhecer:

Os trechos cortados eram de fato desnecessários e não comprometiam em nada àquilo que eu desejava dizer.Minha mensagem permaneceria intacta e eu conseguiria transmitir o que pretendia,mesmo com um número menor de frases.

Não adiantava.

Para mim,soava como peremptório excesso de autoridade ,puro e simples.

Hoje,o tempo passou e estou aqui,agora trilhando o caminho da escrita profissional.

E a minha opinião sobre as séries então?

"Já sei" -você pensa - "Ela deverá ser totalmente a favor,certo?Pois assim poderá escrevr até quando desejar,sem ter ninguém, como a Rainha de Copas- a melhor metáfora que encontrei para aqueles professores desalmados-gritando ao fundo:

-Cortem-lhe a cabeça!  

No caso o texto: será a hora da edição?Reduzir o texto tranformando-o num único texto ou manter uma série literária? è melhor manter a história como está e fazer um série,certo?

Talvez...

Sim,gosto de ler séries.

Porém,será que vale a pena escrever um livro já com a perspectiva de transformá-lo numa série?

Bem...Vamos discutir isso no próximo tópico.

Escrevendo séries:vantagens e desvantagens.

Quando a unanimidade se instala, eu desconfio que não valha a pena.

Vou explicar.

Virou moda escrever trilogias, séries até.

Vejo escritores que sequer fizeram planejamento da obra, não sabem como começar nem como irá terminar a  sua história, não escolheram o nome do livro nem quem será o narrador,ou mesmo o protagonista ...só sabem que serão cinco volumes!!!!!

Escritores! Sério?

São tantos detalhes de maior ou menor impacto para a trama com os quais devemos nos  preocupar antes de escrever o livro, que me surpreende a discussão sobre quantidade de caracter ou de livros... Isso é absolutamente irrelevante!!!

Leitor muitas vezes sequer sabe contar caracter - só vai se importar mesmo com a coesão e coerência da sua história, personagens convincentes,pesquisa bem feita, tema interessante, domínio do autor na utilização de vocabulário adequado ao tema (regionalista, coloquial, culto etc.),assim como a Capa e a diagramação e a qualidade de impressão( se for livro impresso).

Se nada disso agradar ao leitor, nem todo o marketing do mundo salva um livro.

Quem dirá 2,3 ou ainda 5...

Para mim, quanto mais livros, mais  aumenta a dificuldade  de fazer todo esse trabalho,e isso,sem dúvida,é uma desvantagem em séries literárias.

Vale a pena?

Se  vale, enfrenta.

Mas preste bem atenção: muitas séries  por aí são feitas por autores sem concisão de texto e com medo de por ponto final.

"Então,não há vantagens de se fazer livros em sequência,como trilogia e afins?"

Sim,há!

Existe vantagens em se lançar séries,e penso que a principal delas é manter o leitor conectado ao autor.

Mas para sua história prender o leitor e torná-lo ávido por ler os volumes seguintes,há topicos a serm levados em consideração.

Como manter o leitor interessado em sua serie literária.

  •  Comece por definir se a sua história para cada livro tem começo, meio e fim.

É frustrante para o leitor começar a ler um livro cujo final aberto o obriga a ler um segundo,terceiro e mesmo quinto volume apenas para entender a história.

  • Procure introduzir pequenas pontas soltas a ser respondida posteriormente,desde que essas pontas não comprometem a qualidade nem coesão do texto .Ao contrário do livros tradicionais,em que a história se  encerra ao final da última página,e que as pontas soltas irão interferir na qualidade de coesão do livro,no caso de séries,as pontas soltas são admitidas e esperadas e vão servir de gancho,muitas vezs para serem trabalhadas num segundo volume.Segredos não respondidos,informações aparentemente contraditórias...O que vai funcionar em cada história depende da imaginação do autor.
  • Feito isso,ao final de cada volume,procure proporcionar um gancho para o volume seguinte. 

Gancho em série literária

São pequeno comentários,informações que podem ser desenvolvidas posteriormente.

Contudo,não demore demais a fornecer a resposta.

Se o gancho for introduzido no primeiro livro,procure responder esse gancho no segundo volume,ainda que no meio ou próximo ao final do mesmo- e não no terceiro ou quarto livro apenas.

Esses ganchos não respondidos que se arrastam indefinidamente pelos livros afora,cansa o leitor,que poderá desistir da série.

Procure introduzir outro ganchos para os livros seguinte,desde que responda aos anteriores,ficou claro?

Editoras por demanda e Séries Literárias

Muitos autores hoje estão editando seus livros por editoras por demanda ou mesmo em gráficas.

 Ainda que o ideal seja que cada autor publique um livro seu ao ano- para que permaneça  vivo na memória do leitor os livros anteriores e que  isso também seja um incentivo a mais na carreira do autor,que permanecerá em evidência crescente- nem sempre o escritor consegue publicar a continuação no ano seguinte,ou a editora pode publicar continuações de cada série lançado por eles.

Atente-se a este detalhe,no fim isso pode ser uma questão importante.

Converse com sua editora antes de começar a escrever os próximos volumes da pretendida série,certo?

E você,o que acha sobre trilogias?Alguma dica?Que tal debatermos esse assunto?

Aguardo seus comentários!

OBS: A referência citada,a Rainha de Copas- é uma personagem do Romance "Alice no País das maravilhas "de Lewis Carroll

Acompanhe os próximos artigos !

Seja bem vindo ao Blog café Literatura.

 

 

Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!